Cachorro nasce com rabinho na testa e ganha apelido fofo após resgate

Ao que tudo indica, ele foi abandonado por causa da sua anomalia. Os humanos não merecem mesmo os animais...

Por Isabella Otto 14 nov 2019, 12h23

Se você está tendo uma semana ou um dia ruim, essa história promete aquecer seu coraçãozinho! Apesar de começar triste, com um abandono, ela acaba bem – e traz imagens de paz. O filhotinho abaixo de 10 meses foi abandonado na zona rural de Missouri, nos Estados Unidos. Quando a equipe de resgate do Mac’s Mission, centro de proteção aos animais, chegou, percebeu que ele tinha uma característica diferente, que pode ter sido um dos motivos para seu abandonado: um rabinho no meio da testa.

“Humano, o que é isso se aproximando de mim?!” Reprodução/Reprodução

Ele é bem pequenininho e não age como um rabo normal, que está constantemente em movimento e sendo abanado. Ele só fica lá. Preocupado, o time de resgate encaminhou o filhote para o veterinário, para entender se essa anomalia causaria algum problema para o cão. Felizmente, foi descoberto que o rabinho extra na testa não precisaria ser removido, pois não causa nem causará nenhuma dor ao bichinho.

Rochelle Steffen, a administradora do Mac’s Mission, disse em entrevista à rede BBC que acredita no veterinário, já que o pequenino é ativo, dócil e brinca o tempo todo, sem parar.

  •  

    O cachorrinho ganhou o nome de Narwhal, uma referência às baleias Narval, que tem um chifre comprido no meio da testa (que, na verdade, nada mais é que um dente externo), mas há quem já esteja chamando essa fofura de “cachorro-unicórnio”.

    Quem aguenta um vídeo com tanto amor?!

    O filhote viralizou nas redes sociais, mas Rochelle Steffen alerta que o centro ainda não está recebendo aplicações para a adoção do Narwhal. Antes, eles querem mesmo se certificar de que o rabinho extra não fará mesmo mal ao cachorro. Definitivamente, não faltarão dispostas a adotar essa coisinha mais linda!

    Narwhal nanando. Reprodução/Reprodução

    Ai, ai! A vida pode ser boa… <3

    Continua após a publicidade
    Publicidade