Cachorrinho está de quarentena após teste para coronavírus dar positivo

Segundo autoridades, caso é isolado e ainda não se sabe se pets podem contrair o vírus e transmiti-lo.

Por Gabriela Junqueira 29 fev 2020, 10h00

Após uma mulher ser infectada com o coronavírus, em Hong Kong, seu cão foi submetido a testes para descobrir se ele também havia contraído o vírus, e o resultado foi positivo. Apesar da conclusão, os níveis de coronavírus encontrados no pet foram baixos e o animal não apresentou nenhum sintoma da doença até então.

Um cachorro e sua dona usaram máscaras para andar pelas ruas de Beijing, na China, em 07 de fevereiro. Kevin Frayer / Correspondente/Getty Images

Mesmo assim, o cachorro foi entregue ao Departamento De Agricultura, Pesca e Conservação e colocado em quarenta. Segundo o porta-voz do departamento, ainda não há “evidências de que animais de estimação possam estar infectados com o vírus Covid-19 ou ser uma fonte de infecção para as pessoas”.

  • O cachorro passará por mais alguns exames para descobrir se ele realmente contraiu o vírus ou apenas estava com as regiões ambientais do nariz e da boca contaminadas, o que são coisas bem diferentes.

    Com relação a animais silvestres contaminados, sabe-se que é possível contrair, sim, o vírus pelo consumo da carne. Segundo as recomendações deste mesmo departamento, os animais de pessoas que contraíram o Covid-19 também devem ser entregues para passarem pelo período de quarenta de 14 dias.

    Continua após a publicidade
    Publicidade