15 anos: baile tradicional ou balada? Que tipo de festa escolher?

Não existe regra, ok? O importante é optar por algo que tenha a ver com o seu estilo

Por Ana Carolina Castro Atualizado em 2 mar 2018, 11h59 - Publicado em 2 mar 2018, 11h58

Definir o formato da sua festa é o primeiro passo no planejamento do evento. Vai ser uma balada de aniversário ou um baile tradicional?

Entenda as diferenças entre cada estilo:

Festa tradicional
Em geral, os convidados são recepcionados pela debutante e seus pais e seguem para um coquetel. Já no meio da noite é servido o jantar e tem início o cerimonial, com a valsa, as homenagens e os parabéns.

Pinterest/Reprodução
Pinterest/Reprodução

A debutante abre a pista de dança com uma coreografia especial ou com uma entrada triunfal com a roupa de balada. A partir deste momento, a pista de dança torna-se o ponto alto da noite – e, muitas vezes, a balada só termina quando o dia amanhece.

Continua após a publicidade

Balada
Normalmente, no formato balada não há uma recepção formal. Os convidados podem ser recepcionados por uma equipe de atores ou por uma intervenção artística que tenha relação com o tema escolhido. A festa pode contar com várias atrações musicais, bandas ou DJs.

Pinterest/Reprodução
Pinterest/Reprodução

O jantar tradicional dá lugar a um coquetel mais informal e descontraído, com finger foods e petiscos que dispensem o uso de talheres. É interessante montar também ilhas de lanches para que os convidados belisquem durante a noite toda, sempre que bater uma fominha. Vale apostar em crepes, hambúrgueres, pizzas, sushis e temakis, por exemplo. É comum a debutante incluir também uma valsa na programação da noite, mas o cerimonial é bem curto e sem longas homenagens.

Os dois formatos têm muitas adeptas e sempre rendem festas incríveis.  É importante deixar claro que não há regras absolutas. Você pode criar seu próprio cerimonial e balada, mesclando o que acha melhor de cada estilo.

Que estilo combina mais com você?

Continua após a publicidade

Publicidade