Cheerleader é expulsa de equipe por se recusar a alisar o cabelo

A mãe de Makayla Fallaw, de 11 anos, ficou tão revoltada que resolveu procurar a imprensa para tornar a história pública

Por Juliana Costa - Atualizado em 17 ago 2016, 17h46 - Publicado em 10 nov 2015, 18h10

Makayla Fallaw tem 11 anos e mora no Texas, nos Estados Unidos. Desde os quatro anos, a garota é cheerleader em sua escola. Mas, recentemente, ela foi “convidada a deixar o time”. O motivo? Makayla se recusou a alisar seu cabelo cacheado, um pedido feito pela equipe.

Makayla não quis abrir mão de seus cachos

A mãe da menina, Jenny, foi a pessoa que mais encorajou a filha a valorizar seus cachos naturais. E mais. Ela resolveu procurar a imprensa local para falar sobre o constrangimento pelo qual Makayla passou. “Achei que isso poderia fazer minha filha sentir que seu cabelo não é bom o suficiente, porque ela não é como as outras garotas”, disse em entrevista ao ABC News .

De acordo com as duas, o pedido era para que a estudante alisasse o cabelo “apenas” para as competições. Durante os treinos, não. Jenny também comentou que procurou os diretores da equipe para explicar que uma química poderia destruir o cabelo da garota. Além disso, não devemos nos esquecer de que 1) o cabelo reflete a nossa personalidade, 2) não precisamos mudar quem somos só pra agradar os outros e 3) é sério que os cachos de alguém são mais importantes do que a habilidade e dedicação ? Definitivamente não!

Jenny e a filha

Procurado pelo programa, Kevin Tonner, um dos diretores da equipe, disse que eles tentaram encontrar um meio termo, mas que a estudante ficou muito na defensiva, por isso saiu do time. Ele ainda falou que o estilo de cabelo foi uma decisão do time, e que não vale para todas as equipes de cheerleaders.

Continua após a publicidade

O que você achou da polêmica? Nós aqui somos #orgulhocachos sempre!

Publicidade