Você

09
01/2008

Você tem medo de se apaixonar?

Por por Karolina Pinheiro às 15:04

Juarez: apaixonar-se não é uma coisa ruim, que dá medo.

Klaus: ruim não é, mas rola de a menina não sentir a mesma coisa e aí você fica como um bobo, sofrendo.

Gustavo: por isso, é melhor conhecer a pessoa antes de se apaixonar.

Juarez: mas nem sempre é possível controlar os sentimentos. Às vezes, acontece de você querer muito alguém e não resistir.

Gustavo: é só não alimentar aquilo... parar de pensar na garota, sair para a balada com os amigos e ficar com outras pessoas. Não é fácil, mas é mais tranqüilo do que se eu ficar sozinho. Nessas horas, a gente tem que se esforçar para ocupar a cabeça.

Klaus: tem momentos em que você sabe que não pode se apaixonar. Eu quero morar fora. Então, não quero ficar triste por ir embora e deixar quem eu gosto aqui. Quando penso nisso, bate um medo da paixão.

Gustavo: acho que não é preciso ter medo. Acredito que seja possível controlar as emoções. Eu já namorei sério e sempre fui sossegado. Nunca vivi aquelas paixões loucas. Acho bizarros esses caras que são completamente doidos por alguém. Não sinto a menor falta disso na minha vida.

Juarez: meu irmão sofreu muito por causa de uma paixão. Ele vivia em função da menina e chegou a ficar sem comer por ela. Como vi tudo perto, fiquei meio traumatizado.

Klaus: minha ex era assim também. Ela fazia qualquer coisa por mim, me ligava de 5 em 5 minutos, não saía com as amigas. Acabava sendo meio chato!

Gustavo: a melhor tática é sacar o que a pessoa quer. Se você não for correspondido, precisa pular fora o quanto antes. 

Juarez: não concordo. Acho que, se você gosta de uma menina, tem que tentar conquistá ela de qualquer jeito.

Klaus: é, mas, às vezes, isso não dá certo. Eu já me apaixonei perdidamente por uma colega de sala. Escrevia cartas, ouvia música, pensava nela o tempo todo, gostava de ir ao colégio só para vê-la. Acabei sofrendo e não consegui nem um beijo da menina, mas não me arrependo. Serviu para eu ter cuidado antes de me apaixonar!