Comércio ilegal: Spinners explodem e causam acidentes pelo mundo

Há relatos de pessoas que tiveram cortes na mão, perderam o dente, se engasgaram com pedaços do brinquedo e até mesmo tiveram graves lesões nos olhos.

Mania entre pessoas de todas as idades, mas principalmente entre crianças, os fidget spinners estão evoluindo e se tornando cada vez mais descolados. Muito disso para agradar o público, que não estava mais se contentando com os modelos mais tradicionais. Agora, eles piscam, emitem sons, tocam música… O problema é que eles estão ~apenas~ explodindo!

Comércio ilegal: Spinners explodem e causam acidentes pelo mundo

(Reprodução/Reprodução)

Já foram relatados oficialmente dois casos nos Estados Unidos e ambos os acidentes acabaram acontecendo durante o carregamento. A americana Kimberly Allums ouviu o filho gritar e, preocupada, correu prestar no socorro. O garoto já estava no banheiro, com o brinquedo debaixo da pia, tentando apagar o fogo. A Comissão para Segurança de Produtos ao Consumidor já está investigando os casos e pede não só para que as pessoas evitem comprar os spinners com bateria, como prestem atenção nas marcas e/ou fabricantes.

No Brasil, o Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor também está investigando os vários modelos comercializados,  até porque nenhum deles ainda possui selo Inmetro de qualidade e as vendas estão saindo do controle. Há relatos de pessoas que tiveram cortes na mão e no rosto, perderam o dente, se engasgaram com pedaços do brinquedo e até mesmo tiveram graves lesões nos olhos. No YouTube, é possível encontrar diversos vídeos mostrando alguns casos de acidentes envolvendo os fidget spinners, mas muitos são falsos. Já há inclusive tutoriais de maquiagem simulando acidentes no rosto com o brinquedo. Dá para acreditar?

Para piorar a situação, há ainda pessoas fazendo estúpidos desafios para a internet, em que prendem lâminas as redor do spinner e precisam rodá-lo sem se cortar. Quando a gente pensa que o ser humano não consegue mais se superar negativamente…

Comércio ilegal: Spinners explodem e causam acidentes pelo mundo

(Reprodução/Reprodução)

E você, entrou na mania nos spinners? Conta pra gente!

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Daniel Pinho

    Uma dica para quem procura brinquedos é o site Brincoutrocou http://www.brincoutrocou.com.br que permite a troca de brinquedos em todo Brasil incentivando o desapego material, redução do consumismo e diminuição do lixo plástico. Seus filhos podem trocar os brinquedos que não brincam mais por outros diferentes.

    Curtir