11 gírias do passado que deveriam virar moda novamente, bicho!

Falou e disse, bicho!

Você reparou que de um tempo para cá parece que as pessoas têm voltado a usar a gíria bicho? Exatamente aquela dos anos 60, que as pessoas usavam para se referir aos amigos (e que o Faustão nunca deixou de usar). Para comemorar a volta dela, separamos outras gírias antigas que deveriam muito ser usadas novamente no nosso dia a dia, porque são ~maneiras~.

1. Supimpa
Dizer que alguma coisa é muito legal, ótima, incrível já parece automático, meio falso. Agora, dizer que é supimpa… Aí sim vai parecer que você gostou mesmo!

2. Broto
Ultimamente os jovens têm usado a palavra sapão para falar de um cara que é muito bonito. Chamar de broto não seria menos esquisito? Assim a gente não imagina um sapo gigante.

Mas que broto, minha gente! (Reprodução/Tumblr)

3. Ideia de jerico
Sabe quando uma pessoa tem uma ideia que é completamente sem noção, que nunca ia funcionar, que apenas não faz sentido? Aí você só precisa chegar para ela e dizer: “que ideia de jerico”. E se você está se perguntando o que é jerico, é a mesma coisa que jumento (não o animal), ou estúpido.

4. Borocoxô
Parece muito mais delicado perguntar para alguém porque a pessoa está borocoxô do que questionar o porquê dela estar triste, para baixo.

5. Bulhufas
Quando você quer dizer que não entendeu absolutamente nada, diga apenas que não entendeu bulhufas. Tem mais impacto, vai?! “Professora, não entendi bulhufas do que você acabou de explicar”.

Justin com cara de quem não entendeu bulhufas do que acabou de acontecer! (Reprodução/Tumblr)

6. Gamar
Estar apaixonada é legal, mas você já esteve gamada? É a mesma coisa, mas a palavra gamar dá até a impressão de um sentimento mais intenso.

7. Transado
Não, não quer dizer que alguém transou. Transado era bastante usado para se referir a algo moderno e bonito relacionado à moda. Imagine você saindo de casa com uma roupa mara e sua amiga vira e diz: “Nossa, miga! Que jeans transado! Amei”.

8. Serelepe
Quando você vê alguém muito animado na rua, é mais legal dizer que a pessoa está alegre ou serelepe? A segunda opção, com certeza.

Olha que catioríneo mais serelepe! ❤ (Reprodução/Tumblr)

9. Duvi-de-o-dó 
Não tem como deixar mais claro que você está duvidando de alguma coisa se você soltar um duvi-de-o-dó.

10. Patota
Grupo de amigos = patota. Além de economizar algumas sílabas, dá a impressão que as pessoas que fazem parte são mais unidas e felizes.

11. Falou e disse
Se alguém concorda com você já é bem legal, mas se a pessoa disser que você falou e disse, pronto. Fica até difícil das pessoas que discordam tentarem argumentar contra.

Quais outras gírias supimpas você acha que deveriam voltar ao nosso cotidiano?

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. eu ainda uso ideia de jerico e serelepe

    Curtir

  2. falou e disse, galera da capricho 😉

    Curtir

  3. altieres bruno

    Que tosco! Eu q não trabalho com publicidade consigo ter mais criatividade de que alguns aí

    Curtir