Moana é um mergulho de cabeça na cultura polinésia

A equipe responsável pelo filme viajou por diversas ilhas da Oceania para escrever a história

Moana chegou aos cinemas americanos nesta quarta-feira (23), mas aqui no Brasil o longa demora um pouco mais para estrear (só vamos poder vê-lo a partir de 5 de janeiro). Enquanto esse dia não chega, a CAPRICHO revela algumas curiosidades sobre a nova animação da Disney!

Moana Waialiki é filha do chefe de uma tribo de navegadores na Oceania. Para tentar ajudar sua família e conhecer mais sobre seu passado, ela parte em uma viagem pelo mar em busca de seus ancestrais, habitantes de uma ilha que ninguém sabe onde fica. O filme traz a primeira princesa polinésia da Disney!

Quando a gente assiste a uma animação, tem a impressão de que é um trabalho que se faz rapidinho, né? Que nada! Para dar vida a Moana e a sua tribo, a equipe responsável pelo filme passou ANOS estudando a cultura do local! “Nós viajamos para ilhas como Fiji, Samoa e Tahiti, que são lugares fascinantes, e assim foi surgindo nossa história”, contou John Musker, um dos diretores do filme, à CAPRICHO. “Achamos interessante que a trama se passasse 2 mil anos atrás, quando o povo daquela região saiu para navegar o mundo em uma época em que não existia iPhone, GPS, nem nada parecido. Eles eram guiados apenas pelas estrelas e pelo Oceano”, explicou.

Divulgação/Disney

Divulgação/Disney

Você acredita que algumas pessoas dessa região se localizam assim até hoje? Para o roteirista Jared Bush, essa foi umas das coisas que mais o surpreenderam. “Nós tivemos a honra de estar num barco com esses ~mestres da navegação~. Poder ver como a mente deles funciona foi impressionante”, revelou. “Um deles me disse que poderia estar dormindo no porão do navio, no meio da noite, e saberia quando o barco saiu da rota“. Mas gente…

+ Moana: a importância do Oceano para a nova princesa da Disney

As viagens pelas ilhas polinésias não serviram apenas para ajudar na criação da história, mas para mostrar à equipe mais detalhes sobre a cultura, a mitologia e a gastronomia essa povo. “Lá, criamos um grupo de representantes (antropólogos, acadêmicos, educadores, navegadores e consultores culturais) de diferentes ilhas que nos deram consultoria sobre a cultura da Oceania como um todo”, entregou Bush. “Eles estão muito animados com o filme pois novas gerações estão se afastando cada vez mais de suas próprias raízes. Eles acreditam que esse projeto é uma forma de resgatar alguns aspectos da cultura que se perderam ao longo dos anos“, completou o também diretor Ron Clements.

Divulgação/Disney

Divulgação/Disney (Divulgação/Disney)

Moana será, de fato, um mergulho profundo na cultura da Polinésia. A trilha sonora, por exemplo, conta com a participação de artistas locais que os produtores do filme conheceram em um festival de música na Nova Zelândia. “Os polinésios têm um respeito impressionante pelos outros, pelo oceano e pela natureza. Eles têm um senso de generosidade muito forte e pretendemos mostrar isso através do filme”, contou Ron.

Já estamos ansiosas para conhecer mais sobre essa cultura! E você?

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s