Sexo

 sexo

20
09/2013

“Como falar pro meu namorado que eu sou virgem e que ainda não estou preparada pra transar?”

Categorias: sexo - Por Marina Bessa, em 20/09/2013 às 19:18

Na, só existe um jeito: em uma conversa bem sincera. Falar de sexo com o namorado requer muita intimidade e muita segurança. Intimidade para você puxar assunto, abrir o jogo, fazer perguntas, responder às dúvidas. Segurança para dizer a verdade sem se sentir constrangida, fazer as perguntas sem se sentir inexperiente, responder às dúvidas sem se sentir intimidada. No começo de um namoro, essa não é mesmo uma tarefa fácil.

Esta é a conversa que eu teria se fosse você:

(Situação: Você e o seu namorado estão se pegando na sala de tevê enquanto sua mãe saiu para ir ao mercado. O cara coloca a mão por dentro da sua blusa. E o clima vai esquentando.)

Você, congelando a situação no auge do amasso:
- Ei, precisamos conversar.

Ele:
- Agora?

Você:
- Sim.

Ele:
-…

Você:
- Faz um tempão que estou tentando falar sobre isso. Não sei bem como, mas, enfim, a gente já está namorando há xx meses, preciso ter coragem de falar sobre qualquer coisa com você, né?

- Claro

- Então, eu não sei se você sabe ou imagina: eu já tive alguns namorados (ficantes/ rolos/ afins/ amores platônicos), mas nunca fui tão longe num namoro com um garoto. O que eu estou querendo dizer é que (respira bem fundo e solta sem pensar muito) eu sou virgem.

(Ele vai ficar meio bobo, sem saber o que dizer).

- Só estou te falando isso porque acho intimidade e confiança é tudo em um relacionamento. Precisava dividir com você. (aí você joga a bola pra ele). Você desconfiava disso?

(Ele vai engasgar, se enrolar, falar que sim, que não, não importa. Continue)

- Então, esse é um passo importante pra mim. Eu gosto muito de você, mas ainda não me sinto preparada para avançar. Preciso saber se você está disposto a esperar.

(Ele vai falar que sim ou te enrolar e tentar te convencer de que é legal e você vai curtir e que pode confiar nele e tal. Nesse caso, deixe bem claro:)

- Só dá pra gente continuar o namoro se for sob as minhas condições. Você vai topar esperar e respeitar os meus limites?

Aí cabe a você perceber o quanto o cara está sendo sincero, o quanto gosta de você e se ele é legal o suficiente para ser seu namorado.

Pronto, o gelo está quebrado: agora vai ser muito mais fácil voltar ao assunto ou conversar sobre outras coisas relacionados a sexo. Você pode, por exemplo, perguntar sobre a experiência dele, sobre as vontades, sobre camisinha, gravidez, expectativas. E, pouco a pouco, vai se sentir mais segura para dar o próximo passo.

E aí, acham que funciona assim? Como vocês levariam essa conversa?

29
05/2013

Que cuidados devo tomar se minha primeira vez for com outra menina?

Categorias: sexo - Por Christiane Silva Pinto, em 29/05/2013 às 18:20

duas meninas

Foto: Reprodução / We Heart It

Essa é dúvida é da M., que tem 15 anos e queria saber como se proteger se sua primeira vez for com uma garota.

Apesar de não haver risco de ficar grávida e de o risco de contrair HIV ser muito menor do que em uma relação entre homem e mulher, o sexo entre duas meninas pode, sim, transmitir outras doenças, como o HPV e a sífilis.

Em uma relação entre duas mulheres pode haver o mesmo tipo de interação das relações heterossexuais: troca de carícias, sexo oral e até mesmo penetração, só que feita com aparelhos ou objetos. A prevenção, portanto, deve seguir a mesma linha: preze pela higiene (procure estar com as mãos limpas, por exemplo) e use camisinha em vibradores ou outros instrumentos usados na penetração.

No sexo entre duas meninas, ainda é preciso tomar um pouco mais de cuidado durante o período menstrual. É que o sangue é um importante transmissor de DSTs. O risco de contágio, portanto, aumenta se uma das meninas estiver menstruada.

Como em toda relação, é bem importante que você tenha muita liberdade e intimidade com a sua parceira, para tirar dúvidas e pedir a proteção adequada. Quando for ao ginecologista, conte a ele sobre sua opção sexual. Ele pode te ajudar com mais informações e te deixar mais segura para viver essa experiência.

Você tem mais dúvidas? Escreva!

 

06
03/2013

“Conversei com meus pais antes da minha primeira vez”

Categorias: sexo - Por Equipe Capricho, em 06/03/2013 às 20:03

primeira vez

Foto: Reprodução / ThinkStock

Antes da sua primeira vez, a V. chamou os pais para uma conversa e contou sobre os seus planos de perder a virgindade.

 

“Eu tinha 17 anos e ele 19. A gente já namorava há dois anos. Um dia, ele me falou que os pais deles iam viajar no final de semana e me convidou para dormir lá. Perguntei para minha mãe se eu poderia ir. Claro que ela contou pro meu pai, mas não fiquei com vergonha. Ele veio conversar comigo e disse que o importante era que eu estivesse pronta e feliz. Minha mãe também me deu total apoio e pediu que a gente se protegesse.

No sábado de manhã fui para casa dele e passeamos durante o dia inteiro. Quando voltamos, à noite, pedimos comida italiana, ficamos conversando e aí rolou. Não tive medo porque sabia que a gente se gostava e eu confiava muito nele. Foi tudo normal, não senti dor e nem sangrou. Quando cheguei em casa no dia seguinte estava muito feliz. Minha mãe me perguntou como tinha sido e, pra tranquilidade geral, eu falei que tinha usado camisinha!”

Nem sempre os pais são tão abertos para conversar sobre sexo. Mas é importante ter alguém mais experiente e em quem a gente confie para falar abertamente sobre o assunto e tirar todas as dúvidas que pintarem antes (e mesmo depois) da primeira vez. Pode ser uma amiga mais velha, uma prima, uma professora ou até a sua ginecologista. Isso pode te deixar mais mais tranquila e segura.

E como é a relação com os seus pais quando o assunto é sexo? Escrevam contando!

Beijos

 

28
02/2013

Ele pode perceber que eu sou virgem?

Categorias: sexo - Por Equipe Capricho, em 28/02/2013 às 16:39

Casal se beijando na cama

Foto: Reprodução / We Heart It

A T. está namorando um menino super legal. O clima entre eles vem esquentando nos últimos meses e, com isso, de repente apareceu um medo:  “Será que ele vai perceber que eu sou virgem?”.

T, só de olhar para uma menina, é impossível saber se ela virgem ou não. Não há nenhum sinal externo no corpo que pode entregar a sua condição.  No entanto, alguns sinais de comportamento, podem, sim, deixar o menino meio desconfiado: se você fica muito nervosa, tem receio de falar sobre o assunto ou não consegue agir com naturalidade quando o clima esquenta, por exemplo. Claro, vai ser só uma desconfiança.

Mais fácil seria ele perguntar abertamente se você é ou não virgem. Aliás, se essa conversa nunca existiu, acenda o sinal vermelho: será que vocês estão mesmo prontos para dar esse passo?

É hora de parar e pensar:  por que você tem tanto medo de que ele descubra que você é virgem? Não é melhor ter uma conversa sincera com ele e abrir o jogo? Afinal, a sinceridade e a intimidade são fatores fundamentais para uma boa experiência. Principalmente se essa for a sua primeira vez.

Depois de uma conversa franca, a cumplicidade entre vocês vai aumentar ainda mais e, aí, o momento terá tudo para ser especial. Concordam?

Escrevam mandando duas dúvidas!

02
11/2012

“Não tenho vontade de transar”

Categorias: sexo - Por Marina Bessa, em 02/11/2012 às 9:00

Foto: Reprodução

A AC escreveu angustiada porque ela tem 16 anos simplesmente ainda não tem vontade de transar. Você também se sente assim?

A adolescência é cheia de pressões: você precisa crescer, precisa amadurecer, você quer ficar bonita, tem que dar o primeiro beijo, tem que arranjar um namorado… Mais cedo ou mais tarde, aparece mais um item nessa lista enorme: você tem que perder a virgindade.

Acontece que nem sempre a hora que você acha que tem que ser é a hora em que você tem vontade. Cada garota tem o seu tempo.

Tudo depende muito do amadurecimento do seu corpo, da sua experiência com garotos, do momento em que suas amigas estão. E isso varia muito de menina para menina. Algumas meninas ganham peito antes. Algumas começam a namorar e tem vontade de transar antes. E não tem nada de errado nisso.

Por isso, AC, não coloque mais essa pressão sobre você. Respeite o seu tempo, os seus interesses e relaxe: uma hora certamente esse desejo vai aparecer.

O mais importante é que você só transe quando tiver vontade. Nada, mas nada mesmo, pode interferir nisso.

Estamos combinadas?

 

Página 1 de 212

Sobre o blog

Este é o seu espaço para tirar todas as dúvidas sobre sexo. Mesmo aquelas que todo mundo acha que sabe. Ou que ninguém tem coragem de fazer. Você manda a sua pergunta e a gente responde.

Mande a sua dúvida!

Dúvidas sobre sexo? Preencha o formulário abaixo e mande a sua pergunta.

Mande um e-mail pra gente:

* Campos obrigatórios

Nome completo:*

Data de nascimento:*

DDD:*

Telefone:*

Celular:

E-mail:*


Mensagem*

Enviar

Ofertas

Siga CAPRICHO no Instagram Siga CAPRICHO no Tumblr Siga CAPRICHO no Pinterest Siga CAPRICHO no YouTube Siga CAPRICHO no Flickr RSS