Escova progressiva x escova definitiva: qual é a melhor para seu cabelo?

Se seu maior sonho é ter um cabelo liso, as escovas progressiva ou definitiva podem ser a solução! Mas qual delas escolher? Preparamos uma ficha dos dois processos para você comparar e ver qual deles se encaixa melhor no seu tipo de cabelo e objetivo final! Vamos conferir?

Foto: Capricho/Dedoc

Escova progressiva

O produto usado é à base de formol, queratina, silicone e proteína. Dá um efeito menos chapado do que a definitiva, doma o volume e solta os cachos dos cabelos mais rebeldes. Dura cerca de três meses.

Ativos: contém formol, que, mesmo na dosagem permitida de 0,02%, pode quebrar os fios e até causar problemas no couro cabeludo.

Eficiência: age na parte de fora do fio, ou seja, não modifica a sua estrutura, apenas forma uma cápsula em volta dele. Assim, força o formato liso e camufla o enrolado.

O processo: primeiro, o cabeleireiro lava os fios com xampu de limpeza profunda. Depois, ele divide o cabelo em várias mechas finas. Com um pincel próprio, ele aplica o produto (uma mistura de queratina e formol) ao longo de todo o comprimento. É importante que o cabeleireiro evite o contato da substância com o couro cabeludo – fique ligada nesse detalhe. Após 30 minutos, começa o puxa-puxa da escova. Ela é responsável pela penetração do produto nos fios. Em seguida, cada mecha recebe a chapinha. Se quiser, pode pular essa etapa e deixar o liso mais natural e menos chapado. Depois, o cabelo é lavado e seco.

Resultado: deixa o cabelo liso e sem volume, mas solto, com aspecto bastante natural.

Durabilidade: o efeito liso diminui com o tempo e você terá que fazer a escova de novo depois de 60 dias. Fazer a progressiva em intervalos menores que esse pode causar oleosidade e até a quebra dos fios.

Custo: existem muitas opções de marcas de produtos e preços entre R$ 150 e R$ 400, em média.

Foto: Capricho/Dedoc

Escova definitiva

Dá um efeito liso, chapado e dura bastante. À base de tioglicolato de amônia, alisa de uma só vez cabelos ondulados, enrolados e com volume. E só sai conforme o cabelo vai crescendo. Não indicada para cabelo muito crespo, pois pode dar o efeito de ondas artificiais.

Ativos: além de não ter formol, as cutículas dos fios são abertas e podem receber substâncias que tratam as fibras, deixando o cabelo hidratado.

Eficiência: os ativos abrem as cutículas dos fios e penetram na fibra capilar, modificando a estrutura de dentro para fora. Isso deixa o fio liso para sempre.

O processo: primeiro, divide-se o cabelo em mechas finas e aplica-se o produto com um pincel, a partir de um dedo de distância da raiz (para que esse alisamento não altere o caimento dos fios). Primeiro o produto age próximo à raiz por 20 minutos e só depois no comprimento, por mais 20. Aí, o cabeleireiro retira o excesso só com água e, então, faz escova e chapinha, que vão alterar definitivamente a estrutura do cabelo. Depois, aplica-se um produto neutralizante por 15 minutos. Ele forma um filme impermeável ao redor do fio, que faz o efeito liso durar meses. Para terminar, o cabelo é lavado com xampu e condicionador e escovado.

Resultado: conhecida também como escova japonesa, pode deixar os fios lisos demais, com o aspecto artificial.

Durabilidade: 6 meses. Como a parte alisada não volta à forma anterior, os retoques na raiz devem ser feitos apenas depois de três meses.

Custo: assim como a duração, o preço é maior! Esse tipo de escova custa de R$ 400 a R$ 1,5 mil. Para retocar, você vai desembolsar de R$ 250 a R$ 600.

Foto: Capricho/ Dedoc

Quem vence a batalha?

A verdade é que tudo depende do seu objetivo! Mais cara, a escova definitiva danifica menos o cabelo e deixa os fios com aspecto liso chapado para sempre. A progressiva, por sua vez, é mais barata, necessita de mais visitas ao salão, danifica mais os fios, mas deixa o liso com aspecto mais natural!

Você já fez alguma das duas escovas? Qual delas você recomenda?

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s